Arvore_LateralSite.png
Arvore_LateralSite.png

O CURSO

São muitos os caminhos que nos levam à educação. Alguns de nós sonhamos em ser professores e optamos por essa formação desde a primeira graduação. Para outros, o interesse pela educação e pelas crianças é despertado mais tarde, muitas vezes depois de já terem outra carreira profissional traçada. E é para e com esse segundo grupo de pessoas que construímos a Pedagogia para Liberdade.  

Sabemos que para muitos professores que atuam em escolas Waldorfs e de pedagogias alternativas a formação de origem é muito eclética. Encontramos também pelo caminho professores de outras áreas do conhecimento, pais e mães que, encantados pelas crianças, se propõem imergir ainda mais no universo infantil a partir da perspectiva do educador. Para isso, munidos de requisito legal nos termos da resolução CNE/CP 2/2015, nos organizamos para efetivar a formação em Licenciatura Plena em Pedagogia, a fim de formar indivíduos que possam atuar nos primeiros anos do ensino fundamental e na educação infantil.

Nosso curso, além de reunir adultos que querem pensar e, sobretudo, atuar na educação, o faz fundamentado ontológica e epistemologicamente na valorização da cultura da infância. Nós e nossos professores interagimos com diversos modelos Pedagógicos Libertários. Nos propomos a trazer para a Academia experiências e vivências que estejam alinhadas com a crença da infância livre, do brincar, da integração com o Meio Ambiente, das culturas dos povos tradicionais e populares, e, acima de tudo, da edificação de seres humanos críticos e livres, entendendo que a liberdade individual se dá sempre pela troca e relação com o outro.

Conseguimos, por meio das parcerias com as faculdades, uma complementação curricular para Bacharéis e Licenciados em qualquer área de conhecimento. Ela nos possibilitou construir um curso com duração de 18 meses, com 18 módulos presenciais, reconhecido pelo MEC, que nos fornece o diploma de licenciatura plena em pedagogia. Nosso público-alvo, portanto, são pessoas já graduadas e que tenham interesse nessa formação. 

Tivemos a liberdade de conceber o nosso corpo decente, priorizando professores que tenham uma vivência pedagógica rica e que atuem de forma vigorosa na educação, contribuindo na formação de crianças e jovens livres e felizes. Temos como inspiração as pedagogias alternativas e libertárias, que perpassam por todo nosso currículo. Nossa formação é diversificada nesse sentido, dialogando com várias matrizes do pensamento pedagógico desenvolvidas ao longo da história da educação. Sendo assim, não formamos pedagogos de um modelo pedagógico específico, nossa certificação pode ser utilizada, inclusive, para exercício da profissão nas escolas tradicionais.

 

ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO

Hoje estamos com turmas nas cidades de  Rio de Janeiro-RJ, Cotia-SP e Belo Horizonte-MG e Paraty-RJ. Nossa complementação curricular é semipresencial, e compreende 18 encontros presenciais, que ocorrem aos finais de semana de acordo com o calendário previsto para cada cidade.

Em termos pedagógicos, nos organizamos a partir de quatro grupos de atividades que os alunos devem desenvolver ao longo da graduação que seguem brevemente explicados abaixo. A saber: Atividades Entre Módulos, Estágios, Atividades Complementares e TCC.

Além da presença nos encontros, para integralização da carga horária, os alunos devem desenvolver atividades entre módulos que incluem leituras e pesquisas que são sintetizadas em textos, trabalhos, relatos e resenhas. Essas atividades são orientadas a partir da bibliografia disponibilizada, e são parte da estrutura básica do curso.

Também constitui-se em atividade curricular obrigatória o estágio supervisionado, que atende os princípios das Diretrizes Nacionais para o curso de Pedagogia. Ele deverá ser realizado em: Educação Infantil, Anos Iniciais do Ensino Fundamental e Gestão Escolar com total de 300 horas a serem cumpridas durante o curso.

Ademais, os alunos devem perfazer ao longo da graduação 80 horas de Atividades Complementares, carga horária esta que deverá ser cumprida por meio de frequência a cursos, palestras e seminários, desde que estejam relacionados com o curso, bem como atividades de monitoria, projetos de pesquisa e extensão e trabalhos educacionais com a comunidade.

Para a conclusão do curso, o aluno deverá produzir um texto em formato de artigo acadêmico, a partir de um tema da educação de escolha própria.